Cronologia de um golpe

Acto I. Estamos a 3 de Outubro de 2004 e José Sócrates é eleito líder do PS. A 9 de Outubro, Armando Vara regressa à direcção do partido pela mão de Sócrates. A 20 de Fevereiro de 2005, o PS vence as legislativas com maioria absoluta. A 2 de Agosto de 2005, há mudanças na Caixa Geral de Depósitos: Teixeira dos Santos afasta Vítor Martins e Vara integra o “novo” conselho de administração. A maioria dos membros desse conselho é afecta ao PS.

Vale a pena ler o resto do artigo de opinião de Pedro Lomba no Público.

Num tempo em que a grande preocupação parece ser o casamento entre homossexuais não vejo porque há de o povo estar preocupado com a corrupção.

Publicado por

Nuno Ferro

Nuno Ferro tem 35 anos, cresceu em Mafra, é programador/DevOp na Sky e também consultor informático freelancer. Militante do PSD mas cada vez tem menos paciência para politiquices.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *