Servir na Administração Pública

Excelente artigo do Mário Valente que partilha connosco a sua experiência de 3 anos à frente do ITIJ.

Se queremos ter uma administracao publica eficaz, com funcionarios que nao sejam permeaveis a outros argumentos, urge recompensa-los de forma capaz. E nem é preciso gastar muito dinheiro: basta despedir a metade que nao trabalha, mantendo a massa salarial; serve para dobrar o salario aos que ficam.

Esta conclusão é interessante, mas claro que nunca veremos um governo a despedir a metade que não trabalha, nem um terço, nem um quarto…

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *